30/01 15:30

Governo já qualificou 167 servidores penitenciários em segurança prisional, só em janeiro

Agentes do Grupo Especial de Operações Penitenciárias (GEOP), em treinamento prático, na própria base do grupo de elite do sistema prisional (2)
O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), deu início a uma série de capacitações na área da segurança prisional, voltadas aos Agentes Estaduais de Execução Penal. Até o dia 19 deste mês, pelo menos 167 servidores já haviam sido certificados.

As qualificações, realizadas pela Academia de Gestão Penitenciária (Agpen), vão desde técnicas de condução da pessoa presa ao correto manuseio de arma de fogo. Os cursos fazem parte das ações de aprimoramento da segurança prisional, que há quatro anos contribuíram para o fim das rebeliões no estado.

“Garantimos a qualificação dos nossos agentes, por meio da capacitação; cooperamos com a política de valorização do servidor penitenciário; e, assim, mantemos o Maranhão fora do ranking que mede a violência nos presídios do país”, explica o secretário da Seap, Murilo Andrade de Oliveira.

Agentes do Grupo Especial de Operações Penitenciárias (GEOP), em treinamento prático, na própria base do grupo de elite do sistema prisional (3)

Entre os cursos de capacitação oferecidos pela Agpen estão: “Algemação, tonfa e condução de presos”, “Operador de Spark” e “Armamento e tiro”. As capacitações tiveram início no dia 9 de janeiro e cada turma contou com a participação média de 24 a 30 servidores da área de segurança penitenciária.

“Começamos o ano com uma maratona de cursos. Foram duas turmas para cada curso. Em todas elas, capacitamos e formamos operadores nas técnicas mais atuais, no que diz respeito ao uso de armamento letal e não letal, sempre a luz da legislação vigente”, conta o diretor da Agpen, Fabiano Cavalcante.

No dia 24, a Agpen iniciou o “Curso de Ética e Postura Profissional”, que registrou 439 inscrições, dentre as quais 21 alunos oriundos dos estados de Goiás, Sergipe, Bahia e Piauí. Na modalidade de Educação a Distância (EAD), pela plataforma Agpen Virtual, foram quatro cursos oferecidos.

Agentes do Grupo Especial de Operações Penitenciárias (GEOP), em treinamento prático, na própria base do grupo de elite do sistema prisional (1)

Os cursos de “Direitos Humanos”, “Direito Administrativo”, “Violência de gênero no contexto familiar” e “Introdução à Lei de Execução Penal (LEP)” totalizaram 880 inscrições. Em 2018, o Governo do Estado, por meio da Seap e sua Agpen, capacitou 2.506 servidores do Sistema Penitenciário do Maranhão.

Texto: Alan Jorge
Fotos: Divulgação AGPEN
———————————-
Contatos

contatos

GERAL

Fone: (98) 99101.5131

Localização

localização